Beleza exterior

Posts Tagged ‘roxo

Mais uma maquiagem feita rapidissimamente com a paleta Naked, da Urban Decay. (Prometo que vou tentar ficar sem falar dela até o ano que vem, tá? Hahahaha) O bom desse look é que é muito fácil de copiar com quaisquer outras sombras (tem um duo da Vult que super rola, de rosa/roxo), além de ser prático, básico e ao mesmo tempo colorido. Nossa, quantas vantagens, não?

Usei essa make durante o dia, mas ela pode ser adaptada e, se você é discretinha, usada em eventos sociais de fim de ano, tipo aquela festinha da firrrrma, sabe?

  1. Paleta Naked, Urban Decay. Cores marcadas (1-pálpebra; 2-côncavo; 3-arco e canto interno)
  2. Studio Fix, M.A.C
  3. Corretivo Studio Sculpt, M.A.C
  4. Blush Fleur Power, M.A.C
  5. Batom Prolongwear Love Forever, M.A.C
  6. Rímel Colossal, Maybeline
  7. Pincéis M.A.C: 239 e 224

Fala sério, é pouca coisa, né? Dá pra fazer em 10 minutos – e com quaisquer cores, também, no mesmo esquema (cor clara na pálpebra, mais escura no côncavo, iluminadora no arco). Tentem e me contem o resultado?

Demorou pra sair esse primeiro passo a passo aqui do blog, eu sei. Mas finalmente ele está aqui. Não faço ideia de quanto ele vai ser útil (oi, sinceridade demais? Hahahaha), e nem de se as fotos são ok pra entender o passo a passo. Por isso, please, deixem comentários e me digam, ok?

Antes de começar: eu usei várias sombras diferentes, de várias marcas diferentes também. Se você for tentar fazer, é só lembrar que pode usar isso como inspiração, e pegar tons que você tenha e sejam parecidos – ninguém precisa se preocupar porque “ah, não tenho essa Urban Decay ou M.A.C. que ela usou, então vou fazer a mesma maquiagem de sempre”. Nem vem com essa desculpa, passa na farmácia e compra uma sombra roxinha lá mesmo, por cinco reais, que serve super bem.

Ah! Outra coisa: se você não entender alguma coisa, vale a pena voltar no nosso minidicionário, né? Aqui!

Eu comecei já com primer (Urban Decay Primer Potion) na pálpebra – para a sombra durar mais e ficar mais intensa. Daí, o primeiro passo é pegar o pincel de sombra básico (usei o M.A.C. 239) e passar sombra prateada (Start Me Up, Sigma) clarinha no canto interno do olho (tipo no primeiro terço da pálpebra)

No segundo terço, meio do olho, você vai passar sombra rosa clara, com o mesmo pincel. Usei a sobra Grifter, da paleta Sustainable Shadow Box, da Urban Decay

Agora você troca o pincel. Estou usando o M.A.C. 226, que é fofo, de esfumar, mas tem a pontinha mais fina. Com ele, pega a sombra roxa (essa é da paleta Secrets Collection, do Boticário), e passa no terço exterior da pálpebra, puxando para o côncavo. Pode levar a cor até bem próximo ao canto interno, preenchendo digamos dois terços do côncavo (ok, vou parar de dividir seu olho em três, prometo, mas é que facilita, eu acho)

Agora, com o mesmo pincel, pego uma sombra roxa mais escura, com brilho (Beauty Marked, M.A.C.), para escurecer o “V” externo. Aqui, uma sombra preta funcionaria tão bem quanto!

A maquiagem ainda está bem marcada, né? Então você pega um pincel de esfumar mais gordinho (M.A.C. 224), e sombra iluminadora (Naked Lunch, M.A.C.). Ilumina o arco da sobrancelha e já aproveita pra esfumar tudo isso que você fez na pálpebra – vai fazendo movimentos de vai e vem, ou de bolinha, tanto faz, até quase não dar mais para perceber onde começa uma cor e termina outra

Pra finalizar, marquei a sobrancelha com sombra marrom (lembram?), passei muito rímel (DiorShow Iconic) e usei o lápis Binge, da Urban Decay (que é azul), na linha d’água. Na pele, base Teint Resist, Yves Saint-Laurent; corretivo Studio Sculpt, M.A.C.; blush rosa clarinho e iluminador da paleta Secrets Collection, O Boticário. O batom é o Colour Crafted, também da M.A.C.


Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 17 outros seguidores

Atualizações Twitter