Beleza exterior

Resenha: sombras M.A.C. In The Groove

Posted on: outubro 14, 2010

Quando a Laura me contou sobre o telefonema incrível que recebeu da Jade, avisando que a coleção In The Groove tinha finalmente dado o ar da graça nas lojas brasileiras da M.A.C, quase tive um princípio de infarto. De objeto de desejo, os trios de sombra passaram a ser itens de necessidade básica no meu nécessaire. Não poderia passar um dia sequer sem elas. E, claro, não passei. Depois de dar com a cara na porta na loja do Pátio Paulista, que esgotou a coleção em menos de 12 horas, corri para o Iguatemi. E achei as sombras que tanto queria, além de um mineralize sucesso, que não estava no script. Comprinhas lindas, mas será que sobrevivem a um teste de realidade?

Vamos às aquisições e avaliações:

Fresh & Easy Mineralize Eyeshadow
Satin pink: textura acetinada, com brilho perolado e muito sutil. É um rosa médio bem aberto e bonito à primeira vista, mas que não resiste à primeira aplicação. Na pele, vira um rosinha comum e apagado, porém usável. Nota zero para a pigmentação. Esfarela bastante. Decepcionou.

Pearly burgundy: acetinado básico, com brilho perolado bem bonito e mais aparente. É um tom de vinho bem claro, puxado para o rosa. Lindo na embalagem, muito bonito na pele. A pigmentação deixa a desejar, apesar de ser melhorzinha que a da Satin Pink. Mas é a sombra que salva o trio. Durabilidade fail.

Satin grey: textura acetinada e acabamento perolado. É um cinza azulado, bem clarinho. Vibe pastel, para aqueles dias em que você está pura delicadeza, sabe como? Mas a pigmentação… vou até pular essa parte.

Calm, Cool & Collected Mineralize Eyeshadow

Satin beige: beginho quase branco, sem novidade alguma. Sombra muito seca, pigmentação fail. Mas pode ser uma opção para iluminar a base da sobrancelha.

Pearly green: verde claro muito bonito, brilho perolado médio. Nada pigmentada, a cor só aparece de verdade se você usar um primer dos bons. Não solta muito pó, mas a durabilidade… fail.

Satin deep green: belíssimo tom verde musgo, muito lindo na embalagem. Na pele fica mais leve, mas a cor continua muito bonita. Acabamento acetinado, com a melhor pigmentação dos trios que comprei (apesar de ainda não ser essa Coca-cola toda). Muito macia e não esfarela nada.

Conclusão? Diante do sucesso da coleção, talvez eu seja uma chata de galocha… Mas não acho que o investimento tenha valido a pena. Pra mim, apenas duas sombras lindas fazem os trios não serem fracasso total. Não foi um desastre de aquisição, mas sabe? Sombras Mineralize M.A.C (aplicadas com ou sem água, eu testei), adeus.

Anúncios

4 Respostas to "Resenha: sombras M.A.C. In The Groove"

[…] This post was mentioned on Twitter by Fabiana Lopes, Laura Folgueira. Laura Folgueira said: Novo post! Resenha da @fabianalopes sobre as sombras mineralize da MAC, da coleção In The Groove: http://tinyurl.com/2cagmbx […]

adoro essa coleção 😀
nunca usei o da kiehls não. vou pesquisar sobre ele…

:*

Usa com o pincel úmido (:

Fiz isso, Janaína. Realmente, pelo menos na minha opinião, as sombras desta coleção não valem o quanto custam, ao contrário da maior parte dos produtos da M.A.C que já tive. Adoraria que funcionasse…mas não rolou.
Um beijo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 17 outros seguidores

Atualizações Twitter

%d blogueiros gostam disto: